Vitaminas, suplementos “naturais” e hormônios: cuidado.

Atualmente, as pessoas têm utilizado com freqüência vitaminas industrializadas, antioxidantes e até mesmo hormônios. OK! Somos fãs de suplementos alimentares, vitaminas e nutracêuticos, desde que bem indicados.

Deve-se ter muita cautela com a overdose de vitaminas, pois o excesso de algumas delas resulta justamente no efeito inverso: por exemplo, cabelos e unhas enfraquecidas, aumento de apetite, acne e ressecamento da pele.

Há uma cautelosa restrição, especialmente no exterior, à aquisição de medicamentos prescritos por um médico, mas isso não acontece com os suplementos alimentares…

Viajar, comprar todas as vitaminas que encontra pela frente e fazer uso delas pode ser danoso. Entrar em lojas de produtos “naturais” e começar a usar vários suplementos alimentares ao mesmo tempo pode ser perigoso. Todo cuidado é pouco, inclusive com a venda de produtos pela internet.

A orientação médica é sempre necessária, especialmente para aqueles com tendência a diabetes ou a doenças do colesterol/triglicerídeos.

Usar uma cápsula apenas porque ela surtiu efeito benéfico numa pessoa conhecida não é uma decisão sensata.

Recentemente, dermatologistas americanos publicaram no Archives of Dermatology a ocorrência de melanoma após o uso de Hormônio do Crescimento (GH). Hoje em dia, o GH é utilizado de forma controversa, com função de combater o envelhecimento. Eles publicaram o relato de um casal, marido e esposa, que fizeram uso de GH e ambos, mesmo com genética distinta, apresentaram melanoma.

Consulte seu médico antes de ingerir qualquer medicamento via oral.

 Image

 

 

This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.