Cremes para celulite funcionam?

Por Dra. Daniela Antelo

Celulite é um grande terror das mulheres. Muito frequente e muito indesejável.

Dizemos, na Medicina, que quando existem vários tratamentos para uma mesma doença, é porque nenhum deles isoladamente surte efeito em todos os casos. No caso da celulite, é mais ou menos assim, existem muitos tratamentos, que se complementam, mas nenhum é definitivo.  Até mesmo porque ela é crônica e multifatorial. 

O uso de hormônios (pílulas anticoncepcionais), hereditariedade (genética), excesso de peso (ou mesmo que a mulher esteja no seu peso ideal, pode ocorrer um acúmulo de gordura no abdome, culote e nádegas), dificuldade circulatória, retenção de líquido, excesso de sal (sódio) na dieta são fatores que propiciam o seu aparecimento. 

Com frequência, minhas pacientes me perguntam se os cremes de celulite funcionam. Na verdade, esperar que o creme faça todo o trabalho é um sonho, mas só sonho. Eles atuam melhorando o relevo da pele e atenuando o aspecto visual da celulite em 10-20%. Dependendo do caso e do perfil da paciente, essa melhora já pode ser considerada gratificante, dada a facilidade que é aplicar um creme em casa. Logicamente, não é qualquer creme. Alguns ativos podem ser utilizados, mas em concentrações específicas, normalmente mais altas do que as que estão presentes nos cosméticos.  Fuja das propagandas milagrosas “creme para flacidez”, “creme para gordura localizada”, “melhora significativa em 10 dias” e gaste seu dinheiro de outra forma. 

Existem poucos artigos científicos sérios sobre o assunto, mas a cafeína já foi estudada, pois ela estimula a lipólise (quebra da gordura). Mas não adianta ter ação se o princípio ativo não penetra na pele. isto dependerá do veículo (água, álcool, gel, se é encapsulado ou não). Portanto,  uma avaliação criteriosa do que se está usando é fundamental. 

Image

 

 

 

 

 

This entry was posted in Uncategorized and tagged . Bookmark the permalink.